domingo, 29 de maio de 2016

Impasse brasileiro

Como reconstruir um Estado ético, que sirva ao povo, se não se visualiza nenhum líder político com grandeza de estadista?
Como reconstruir um Estado ético, que sirva ao povo, se todos os poderes da República estão impregnados de corrupção, interesse pessoal e de grupo, tendo no topo figuras menores, sem nenhum vínculo moral com a cidadania?
Como reconstruir um Estado ético, que sirva ao povo, com partidos políticos completamente alheios aos interesses da Nação e além disso, recebendo verbas do Fundo Partidário, financiado pelo povo?
Como reconstruir um Estado ético, que sirva ao povo, se o poder público e grandes empresas públicas e privadas estabelecem relações promíscuas entre si para assaltarem os cofres da Nação?
Como reconstruir um Estado ético, que sirva ao povo, se a grande mídia que deveria ser o olhar crítico da população sobre as instituições públicas é parcial, desinforma, distorce informações e é atrelada a grandes interesses próprios e de seus patrocinadores?
Como reconstruir um Estado ético, que sirva ao povo, se de alto a baixo, desde o plano federal, passando por estados e municípios temos o mesmo descalabro, o mesmo sistema corrupto, com raras exceções, a sugar o dinheiro dos impostos e produzindo um dos países mais desiguais do mundo?
Como reconstruir um Estado ético, que sirva ao povo, com uma elite que sequer pode-se chamar de elite, mas de casta privilegiada, com raras exceções, de costas para o povo e subordinada culturalmente à Europa e aos EUA?
Como reconstruir um Estado ético, que sirva ao povo, com um sistema de representação política viciada, com parlamentares distantes das necessidades reais da população, em que o voto pouco vale?
Como reconstruir um Estado ético, que sirva ao povo, com um sistema de governo, em todos os níveis, do federal ao municipal, em que o Poder Executivo, para governar, precisa de maiorias construídas, não a partir de um projeto de governo de interesse popular, mas a partir de trocas de favores pessoais e de grupos com forte componente de corrupção?