sábado, 14 de junho de 2014

Os raivosos 1% da população


 A explosão raivosa dos privilegiados, dos 1%, dos que se beneficiam muito mais do que os outros segmentos da sociedade não foi uma explosão contra a corrupção, os desmandos, a incompetência, ao desperdício de recursos. Foi a demonstração de preconceito ideológico por parte daqueles que sempre se beneficiaram da riqueza produzida pelo povo. Essa gente que xingou Dilma não quer que o Brasil seja melhor, com mais igualdade, querem continuar mandando no país como sempre o fizeram as oligarquias. Mas, creio, que não foi só a gente fina, pseudo educada por ter frequentado os melhores colégios e as melhores universidades (várias públicas, para as quais não deram um centavo). Xingaram também aqueles serviçais das oligarquias, que devem ter ganho ingressos. Acho que o governo está cheio de equívocos, que há muita corrupção, que houve muita submissão à Fifa, que há muitos benefícios às oligarquias e pouco efetivo para o povo. Eu quero um outro projeto para o País, com mais participação do povo, com mais referendos, com um sistema de saúde e educação que funcionem efetivamente. Mas não é essa gente, os 1% e seus capachos que mudarão o país para melhor. Se a Dilma for reeleita no primeiro turno, deve agradecer a esses boçais privilegiados.