quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Entre o público e o privado


O prefeito Kassab promete dar um terreno para o Instituto Lula construir a sede. Se o terreno for dele, não há problema. Sendo dele, ele dá o que quiser. Mas o terreno é do municipio, provavelmente e servirá para barganha política. Há uma estranha noção neste país do que é público e do que é privado. O governante se elege e acha que tudo que é público está ao seu dispor. E o pior que jornalistas que deviam criticar o fato, aplaudem. A questão não se a doação para o Lula, o João, o Antonio. A questão é a incapacidade de se separar público de privado. E essa é a matriz da corrupção brasileira.